O que é OTDR ?

O que é OTDR ?

Para montar uma rede eficiente e de extrema confiança, é fundamental que o provedor seja capaz de identificar interrupções e falhas na conexão com uma certa antecedência. Uma ferramenta que pode ajudar profissionais da tecnologia a realizar a manutenção da rede de fibra óptica é o OTDR.

Infelizmente, não há como criar um provedor 100% seguro, mas existem formas de identificar a tempo alguns problemas para que eles não sejam capazes de causar incômodo aos usuários e o OTDR pode te ajudar bastante neste aspecto.

Se você quer saber mais sobre o conceito e benefícios desse elemento, continue lendo esse artigo. Vamos tirar todas as suas dúvidas sobre o assunto.

O OTDR (reflectômetro óptico no domínio do tempo) é um dispositivo que utiliza a tecnologia de fibra para identificar possíveis problemas que possam causar incômodos tanto para o servidor quanto para o usuário.

É um instrumento de medição criado com o objetivo de validar uma rede e verificar se houve rompimento nas fibras.

A principal função é verificar se há algo que na rede que possa causar falhas e interrupções.

O processo de rastreamento é feito em poucos segundos.

Qualquer provedor de rede de fibras deve utilizar esse dispositivo, pois ele é a melhor forma de fazer com que você encontre defeitos e rompimentos nos dispositivos que compõe uma rede de fibra óptica.

Como funciona um OTDR?

Para identificar todos os eventos que fazem parte da transmissão óptica, o OTDR utiliza o princípio de Rayleigh. Mas afinal, o que é isso?

É basicamente a separação de luz através de micropartículas menores do que o comprimento de onda dos fótons.

A dispersão ocorre quando há uma mudança no índice de refração. Dessa forma, a luz emitida volta para a OTDR, quando houver a reflexão, reduzindo a intensidade do cabo de fibras.

O aparelho tem total capacidade de analisar o comprimento do material fibroso do valor total de atenuação.

Se não houvesse esse dispositivo, até seria possível identificar falhas na rede, mas o processo levaria muito mais tempo e diversos recursos a mais seriam exigidos para resolver um simples problema.

Por isso, o OTDR continua sendo a melhor forma de certificar a rede e verificar as fibras durante o momento de instalação e reparação.

Quais os tipos

Há duas categorias dominantes: a de bancada e os portáteis.

Na hora de escolher o melhor tipo, muitos provedores consideram apenas a distância de rede alcançada pelo dispositivo. Entretanto, há diversos fatores para considerar como por exemplo, se o aparelho trabalha com fibra apagada ou não.

Agora vamos explicar mais sobre os dois principais tipos.

O OTDR de bancada possui uma fonte de alimentação AC direta, enquanto o modelo portátil é alimentado por uma bateria.

Além dessa simples divisão, você de escolher um OTDR com base nas suas intenções de uso. Por exemplo, você deve levar em consideração o tipo de fibra (multimodo ou monomodo) e o tamanho do material fibroso que irá passar pelo teste. Principais pontos a considerar:

Escolha por um OTDR de fibra ativa

Um OTDR de fibra apagada exige que a porta PON relacionada a um determinado trecho seja completamente desligada, o que pode afetar todas as pessoas que estão conectadas a rede.

Isso significa que se você escolher um OTDR com fibra ativa, não será necessário desconectar os usuários.

Sempre avalie os resultados

Nem sempre uma avaliação vai ocorrer da forma que você gostaria. Isso não é necessariamente um problema, desde que você descubra outras maneiras de medir resultados para utilizar na próxima medição.

Verifique a maneira que o dispositivo mostra os resultados obtidos.

O ideal é que sejam mostradas imagens simplificadas e didáticas, para que os problemas que possam causar interferência na rede sejam identificados rapidamente.

As análises mais complexas tornam o trabalho do técnico mais difícil, já que ele vai precisar de mais tempo para fazer uma avaliação completa.

Vantagens de adquirir um OTDR

Quando se trata de manutenção e reparação, esse aparelho é extremamente útil e pode mudar a forma como você lida com os problemas encontrados no seu provedor.

O OTDR consegue encontrar o local exato no qual um cabo óptico tenha sofrido rompimento e consequentemente, apresenta defeito.

Mas essa não é a única vantagem. Como o equipamento é capaz de certificar a rede, é bem difícil que você tenha que realizar manutenção dele. Ou seja, como as manutenções do equipamento não precisam ser tão frequentes, você vai economizar em relação aos custos operacionais da empresa.

Os OTDRs tornam a transmissão de fibra óptica muito mais rápida e otimizada.

Como você pode perceber, esse equipamento é um grande aliado de provedores que querem oferecer um serviço de qualidade para o usuário.

Como ele consegue identificar o local no qual há um problema no cabeamento, o técnico realiza a reparação em muito menos tempo.

Quando se trata de infraestrutura e agilidade, não há dúvidas de que esse equipamento faz toda a diferença.

O equipamento localiza falhas em ligações ópticas extremamente longas, como redes de quilômetros de comprimento que atingem uma área extremamente densa.

Existem diversas ferramentas para realizar a reparação das fibras utilizadas pelo servidos, mas o OTDR é capaz de realizar o processo com agilidade e eficiência.

Testes de OTDR

O teste é um ótimo método para certificar e manter o sistema do seu provedor.

O reflectômetro óptico ‘’monta’’ um quadro virtual de todos os cabos da fibra.

Dessa forma, o equipamento analisa todas as informações obtidas sobre a integridade e eficiência dos cabos, além de observar todas as conexões e divisores que fazem parte do material.

Depois da captura de dados, você pode utilizar as informações como bem entender. O ideal é que você realize a manutenção assim que identificar o problema.

Além disso, o OTDR é o único dispositivo presente no mercado capaz de solucionar determinados problemas, pois ele consegue obter informações sobre todos os fatores que causam interferência na rede.

Defeitos nos conectores, curvas e rompimentos no material são os principais problemas que esse dispositivo consegue encontrar.

O modo pelo qual o teste será realizado, depende de qual dispositivo você vai utilizar, do principal objetivo da análise e obviamente, da fibra óptica e o percurso realizado por ela.

O futuro do OTDR

Não importa se você deseja criar um dispositivo ou utilizá-lo no seu provedor: o futuro do OTDR é extremamente promissor.

Daqui a alguns anos, esse equipamento vai ser ainda mais eficiente e realizará processos de um modo ainda mais rápido e barato.

Fibra óptica é a tecnologia de banda larga do momento. Os fios de cobre e as redes híbridas não perderam seu espaço, mas é fundamental que você conheça mais sobre as fibras e os benefícios dela para o seu servidor.

Por esse motivo, os recursos de OTDR estão sofrendo melhorias constantes para que no futuro, esse equipamento tenha ainda mais utilidade.

Como a tecnologia de fibra vai crescer ainda mais, as ferramentas que tornam o sistema mais veloz e menos propenso a falha, vão crescer junto, como o OTDR.

Se você tiver dificuldade em realizar a análise através do equipamento, se especialize na área ou peça ajuda de um profissional com alto conhecimento tecnológico.

O que realmente não dá é para deixar esse equipamento de lado, pois ele identifica problemas com muita antecedência e faz com que você diminua custos relacionados a manutenção e operação das fibras.

Quando esse equipamento se tornar ainda mais popular, os recursos serão otimizados. Por isso, os profissionais que não souberem utilizá-lo irão ter que contar com ferramentas ultrapassadas, poucos ágeis e de custo elevado.

Conclusão

Profissionais que querem criar um serviço de excelência, devem conhecer os principais dispositivos para otimizar processos e encontrar falhas com antecedência.

Dessa forma, você consegue proporcionar uma experiência mais positiva aos usuários que irão recomendar os seus serviços no futuro.

Não há outra forma de fazer a sua empresa crescer. Como a demanda por tecnologia é muito grande, a concorrência no setor não para de aumentar.

Uma das formas de melhorar a experiência do consumidor é adquirindo um OTDR.

Esse equipamento identifica possíveis problemas em poucos segundos e torna o trabalho do técnico muito mais rápido e eficaz.

Se você quer crescer nesse mercado, não pense duas vezes: um dispositivo de OTDR é a melhor forma de lidar com problemas do provedor e não deixar que os usuários sejam impactados por rompimentos no material fibroso.

OTDRs são instrumentos de teste que podem encontrar problemas nas fibras ópticas e melhorar a qualidade do serviço oferecido pela sua empresa.

fonte:easisp.com

Deixe uma resposta

0
YOUR CART
  • No products in the cart.