O que faz um sistema de monitoramento de rede?

O que faz um sistema de monitoramento de rede?

Embora diferentes softwares de monitoramento de rede possam variar no que exatamente eles fornecem, existem algumas tarefas gerais que se encaixam na maioria dos sistemas de monitoramento de rede. O primeiro passo é descobrir quais dispositivos estão conectados à sua rede, incluindo roteadores, impressoras, firewalls, etc. , você precisa saber que eles existem.

Em seguida, o sistema fornece alguma maneira de mapear os dados que está produzindo. Sem um mapa, a informação é muitas vezes muito desorganizada, dificultando a compreensão. A capacidade de mapear dados varia significativamente entre os sistemas, portanto, os administradores de rede devem estar preparados para usar o software limitado fornecido a eles para entender melhor os dados.

Com tudo pronto, é hora de iniciar o processo de monitoramento. Isso pode incluir o monitoramento de aspectos digitais da rede e de componentes físicos também. No lado digital, recomenda-se que os usuários analisem cinco aspectos cruciais: utilização da interface, memória, disco, disponibilidade de ping e CPU. Monitorá-los normalmente permite que os administradores de rede fiquem de olho nos locais com maior potencial de falha. Muitos sistemas de monitoramento de rede também permitem que os usuários monitorem aspectos físicos da rede, como a temperatura do próprio dispositivo.

Como mencionado anteriormente, os problemas de rede são inevitáveis, razão pela qual a próxima etapa do monitoramento de rede é o processo de alerta. Embora os sistemas de monitoramento de rede possam alertar os administradores quando algo der errado, muitos também podem ser programados para alertar antes que algo aconteça. Isso pode ser feito definindo limites para componentes monitorados, ou seja, se um sistema atingir um determinado limite que significa problemas, os administradores terão a chance de evitar desastres.

Por fim, os sistemas de monitoramento de rede produzem relatórios, que podem ajudar os administradores de rede a mapear melhor os dados. Isso não apenas pode ajudar os administradores no presente a encontrar e resolver problemas, mas também pode dar a eles uma ideia de como a rede está operando como um todo, a longo prazo.

Como funciona o monitoramento de rede?

Como o sistema de monitoramento de rede consegue realizar essas tarefas? Simplificando, esses sistemas pesquisam dispositivos e servidores de rede para dados de desempenho usando vários protocolos padrão.

A primeira é por meio do Simple Network Management Protocol (SNMP), um protocolo padrão da Internet que envolve a coleta de dados em dispositivos conectados a uma rede, como roteadores e impressoras. Esses dados são organizados em uma base de informações gerenciais (MIB), que pode ser acessada pelos administradores da rede.

Em seguida, é importante observar que nem todos os dispositivos usarão os mesmos sistemas. Por exemplo, se você estiver trabalhando com máquinas Windows, você desejará usar uma Interface de Máquina Windows (WMI) para monitorar aplicativos e servidores. Se você estiver em um servidor Unix ou Linux, você desejará utilizar o Secure Shell (SSH). A vantagem desses sistemas especificados é que eles são mais adequados para dispositivos do que o SNMP amplo, mas esse aumento de informações também significa que eles geralmente são mais lentos do que o SNMP.

Deixe uma resposta

0