Bem-vindo a Semeo Consultoria

O que falta para que sua REDE decole?

Por que investir em marketing digital para provedores de internet?

Por que investir em marketing digital para provedores de internet?

Uma das bases de desenvolvimento de qualquer negócio é a definição de estratégias de marketing  para gerar vendas e divulgar os serviços e produtos. Nos modelos mais tradicionais, todas as ações eram concentradas em ações externas como distribuição de flyers, divulgação em jornais e outdoors, além de ligações por telefone ou celular. Apesar de muitas empresas ainda investirem nisso, com as mudanças de comportamento e de hábitos de consumo dos clientes, é cada vez mais importante pensar em estratégias de marketing digital para provedores de internet.

De acordo com o relatório Digital 2019, da We Are Social e da Hootsuite, os brasileiros passam uma média de 9 horas e 29 minutos por dia conectados à internet. Segundo pesquisa do SPC Brasil, antes de escolherem uma empresa que não conhecem para adquirir produtos ou serviços, 98,2% dos consumidores realizam algum tipo de pesquisa, sendo que 68,4% observam o índice de reclamações em sites, aplicativos, blogs e redes sociais. Além disso, quatro em cada dez pessoas (42,5%) sempre dão preferência a empresas com atendimento online.

Portanto, hoje é impossível pensar em uma empresa que não tenha uma página, site ou alguma plataforma de divulgação de serviços na internet. Afinal, mesmo que a empresa não tenha uma estratégia de comunicação online, os clientes podem avaliar a marca, gerar comentários negativos ou simplesmente optar por outra empresa que forneça mais informações sobre os serviços prestados.

No caso dos provedores regionais, o marketing digital é essencial para se diferenciar no mercado, ampliar as vendas e atrair clientes. Com ações bem definidas, você pode ampliar o controle das informações sobre a sua empresa, gerar conteúdos estratégicos, tirar dúvidas e acelerar o processo de compra dos clientes. 

Mas afinal, o que é marketing digital?

O marketing digital tem o objetivo de oferecer informações de qualidade – e que sejam do interesse do possível cliente – para, com isso, adquirir novos contratos, fidelizar a carteira de clientes e posicionar uma marca de forma positiva no mercado.

Isso pode ser feito por meio de publicações em blogs, redes sociais, campanhas de e-mail marketing e muitas outras possibilidades. Na prática, a empresa passa a produzir materiais que geram maior confiança e credibilidade, tornando-se referência no mercado de provedores.

Um exemplo prático de uma empresa que gera conteúdos dessa forma é a própria Cianet. Em nosso blog, oferecemos diversos materiais sobre os nossos produtos, dicas de gestão, tendências e até marketing. Todos esses conteúdos foram pensados a partir de dúvidas específicas dos nossos clientes e têm como objetivo impulsionar o crescimento dos provedores regionais.

 Da mesma forma, o marketing digital para provedores de internet pode auxiliar os clientes a identificar qual a tecnologia ideal a ser usada, como escolher o melhor provedor e até mesmo como resolver pequenos problemas técnicos.

Quer saber mais informações? Continue a leitura!

Vantagens de investir em marketing digital para provedores de internet

O mercado está cada vez mais competitivo para os provedores de internet, tanto pelo surgimento de novos provedores locais quanto pela expansão de grandes empresas.

Por isso, é fundamental pensar em estratégias de diferenciação dos serviços e em meios de atrair clientes. Confira a seguir algumas vantagens de investir em marketing digital para provedores.

1. Atraia mais clientes e aumente as vendas

Nos processos tradicionais de venda e telemarketing, um vendedor liga para o potencial cliente que muitas vezes sequer conhece a empresa, gastando mais tempo ao telefone para explicar e apresentar os serviços de internet do que de fato para vender os serviços.

Na prática, sabemos que muitas pessoas detestam esse tipo de abordagem, podendo avaliar a empresa de forma negativa e rejeitar a marca no futuro. Além disso, sem ter um conhecimento prévio ou acesso às avaliações feitas por outros clientes, dificilmente alguém contrata os serviços por telefone. 

No marketing digital para provedores, esse processo é invertido. O possível cliente chega à empresa por meio dos conteúdos publicados em redes sociais, no blog ou em outros canais digitais. É o próprio cliente que coloca o seu e-mail ou o número do telefone nos formulários do site para o contato. Assim, as ligações podem ser mais breves e as chances de fechar um contrato são maiores, uma vez que ele já tem várias informações importantes sobre o negócio e os serviços prestados.

2. Acompanhe os novos comportamentos do consumidor

Os consumidores passam cada vez mais horas na internet pesquisando sobre um produto ou serviço antes de partir para a loja física ou finalizar uma compra online. As informações são lidas em fóruns de discussão, em sites como o Reclame Aqui, em depoimentos de clientes nos e-commerces e em redes sociais. As buscas acontecem até mesmo dentro das próprias lojas, a fim de verificar se determinado produto corresponde mesmo às necessidades e às características desejadas.

Ao investir em marketing digital para provedores e publicar informações relevantes para atrair esses usuários, o blog da sua empresa pode aparecer entre os primeiros resultados do Google – principal buscador da internet. Isso faz com que os consumidores esclareçam as dúvidas na sua página e avancem no funil de vendas do seu provedor, tornando-se seu cliente.

3. Segmente adequadamente os consumidores

Nós já alertamos sobre o risco de ser avaliado negativamente ao entrar em contato com alguém que não esteja interessado nos serviços da sua empresa. Por outro lado, o marketing digital para provedores consegue direcionar as estratégias de vendas apenas para o seu público ideal e no momento certo para a conversão.

Além disso, existem ferramentas que permitem que as campanhas sejam direcionadas para determinada região e faixa etária. Essa segmentação aumenta ainda mais as chances de vendas dos seus serviços.

4. Tenha mais retorno investindo menos

A publicação de propagandas no formato tradicional, em jornais, revistas ou televisão, por exemplo, requer um alto investimento e pode ter resultados imediatos. Contudo, o retorno sobre o investimento pode não ser tão vantajoso devido ao alto investimento, além das dificuldades de mensuração de resultados. Com isso, é necessário ter uma continuidade na divulgação da empresa nesses canais, a fim de ampliar a visibilidade e a credibilidade no mercado. 

Já com a definição de estratégias de marketing digital para provedores de internet, os resultados tendem a ser mais duradouros, uma vez que os conteúdos publicados continuam a gerar acessos ao site e visibilidade para a empresa, mesmo após anos da publicação original. Você pode criar conteúdos, divulgá-los em redes sociais e aplicar técnicas de SEO para que ganhe destaque na busca orgânica sem pagar muito por isso.

5. Amplie a mensuração de resultados

No marketing digital para provedores, tudo pode ser medido. Os gestores conseguem saber quanto resultado trouxe determinada campanha paga via Google Ads ou qual o alcance orgânico do blog, bem como o número de acessos de cada material publicado, o tempo de leitura, além de outras métricas. E o mais importante de tudo: você consegue identificar se os clientes estão prontos para efetuar a compra à medida que avançam nos conteúdos que você publica.

Como criar uma estratégia de marketing digital para provedores?

1. Conheça o seu público-alvo

Agora que você já sabe a importância de investir em marketing digital para ampliar as vendas e se consolidar no mercado, é importante definir uma estratégia que atenda às necessidades do seu público. Assim, não adianta iniciar a publicação de pequenos textos no Twitter ou no LinkedIn, por exemplo, se o público-alvo do seu negócio não utilizar essas redes sociais. 

Da mesma forma, não vale a pena produzir conteúdos que não tenham volume de buscas. Ou seja, é preciso conhecer bem o cliente, entendendo suas principais dificuldades, seus desafios e seus dilemas no momento de optar por um serviço de internet. A partir de entrevistas com os atuais clientes e até mesmo de uma estratégia que envolva pesquisas, você pode identificar várias informações para te auxiliar na escolha de temas e formatos dos materiais a serem produzidos.

2. Analise o mercado

É muito importante que você faça um levantamento de informações sobre o mercado de provedores no qual a empresa atua. Esse estudo deve analisar dados como:

  • principais empresas do mercado;
  • quais diferenciais oferecem;
  • o que abordam em suas redes sociais;
  • qual é a avaliação dos clientes dessas empresas;
  • em quê a sua empresa se parece com elas e em quê se diferencia.

O estudo do mercado possibilita à sua empresa identificar quais pontos podem ser aproveitados para ganhar mercado e conquistar os clientes em sua comunicação. Além disso, sua empresa pode definir quais benefícios oferecer e qual é a melhor estratégia de comunicação para apresentá-los aos clientes.

3. Defina metas e objetivos

Agora que a sua empresa já tem informações sobre o público-alvo e o atual cenário do mercado, o próximo passo é definir as metas e os objetivos do plano de marketing digital para provedores.

Sem dúvidas, há muitas possibilidades a alcançar com esse investimento, mas é preciso priorizar objetivos, determinando aqueles que são mais importantes e urgentes para o negócio e, portanto, devem receber mais atenção em um primeiro momento.

O ideal é não listar muitos objetivos, principalmente se o orçamento for limitado e se a equipe da empresa for reduzida. Faça um plano de marketing para um período determinado e programe-se para realizar metas alcançáveis. Dessa forma, você mantém a equipe motivada e garante melhores resultados.

4. Faça parcerias para fidelizar o cliente

Aproveite o marketing digital para provedores para criar campanhas que fidelizem os seus clientes. Por exemplo, você pode fazer parcerias com empresas de outros segmentos e que tragam resultados para ambos.

Por exemplo, você pode oferecer para os seus clientes descontos e brindes em cinemas, shoppings e lojas de eletrônicos. Isso fará com que os consumidores se lembrem da sua marca de maneira positiva e deixem de procurar a concorrência, uma vez que a sua empresa oferece vantagens adicionais.

Mas é fundamental que essa campanha seja bem comunicada nas suas redes sociais, de forma que os clientes entendam a mecânica para participar e também possibilite o compartilhamento, que pode contribuir grandemente para o sucesso da ação.

5. Busque apoio de empresas especializadas

Não é necessário iniciar esse processo de marketing digital para provedores com uma grande equipe de marketing, mas a médio prazo é importante pensar em formas de estruturar essas ações para ampliar as oportunidades e aperfeiçoar os materiais produzidos.

Nesse sentido, é possível buscar o apoio de agências, que utilizam ferramentas avançadas de mensuração de resultados e trabalham com técnicas específicas para criação de conteúdos, para aumentar as compras dos clientes.

6. Tenha cuidado com o que posta nas redes sociais

O marketing digital para provedores é realmente uma excelente ferramenta para atrair e fidelizar clientes, desde que aplicado de maneira correta. A propósito, apenas um deslize é o suficiente para que esforços de anos terminem em uma grande crise para a imagem da sua empresa. Por isso, é preciso ter muito cuidado com o que posta nas redes sociais do seu provedor.

Entenda que, mesmo que esse canal de comunicação seja ágil, é importante que se tenha critério antes de publicar qualquer conteúdo. Lembre-se de que o seu público-alvo é diverso e sem dúvidas ele observa o posicionamento da sua marca. Então, não envolva a sua empresa em polêmicas se não quiser que ela saia mal falada.

administrador

Deixe uma resposta